fbpx
Posicionamento da marca: Você sabe o que é?
/
/
Posicionamento da marca: Você sabe o que é?

O posicionamento da marca é fundamental para criar uma marca forte e memorável. A alguns dias atrás lá no meu Instagram eu pedi para as pessoas explicarem a sua marca somente com emojis, foi bem divertido ver todos os comentários. Porém quem conseguiu descrever sua marca pode-se dizer que já tem um posicionamento.

Nesse post vou explicar um pouco mais sobre:

  1. O que é posicionamento da marca?
  2. Posicionamento é o mesmo que reconhecimento?
  3. Como criar o seu posicionamento da marca?
  4. Aprenda a dizer Não!
  5. Crie uma estratégia.
Posicionamento de marca

Mas o que seria o posicionamento da marca?

Posicionar uma marca é como se você ocupasse um lugar diferenciado na mente e no coração do seu público em potencial e isso vai ajudar o seu cliente na escolha entre a sua marca e a da concorrência.

Claro que o posicionamento da marca precisa estar presente na sua jornada, ou seja, é algo que precisa ser feito continuamente. Quando você consegue criar a singularidade da sua marca, seu público consegue enxergar melhor quais são seus objetivos, valores e a sua missão com a marca.

As pessoas tendem a escolher marcas que trazem valores que elas admiram, por isso quando você conhece seu público, suas necessidades, é muito mais simples definir um posicionamento diferenciado.

“A marca é o espaço que você ocupa na mente de alguém”. Anita Roddick

Posicionamento X Reconhecimento

Definir essa diferença é essencial para criar a sua estratégia, pense da seguinte maneira, o posicionamento é como você mostra a sua marca para as pessoas, já o reconhecimento é como as pessoas lembram da sua marca.

Por isso é bom saber se ambos estão alinhados, para isso analise se a sua marca tem uma estratégia bem definida.

Como criar o posicionamento da minha marca?

Para ter um bom posicionamento é bom ter em mente os 3 pilares: relevância, singularidade e autenticidade. Lembre-se que o que a sua marca mostra ser, precisa ser o que seu público necessita naquele momento, algo que ninguém oferece da forma que você escolheu oferecer.

O primeiro passo é fazer uma análise pessoal, você conseguiria explicar a sua marca em poucas palavras? Ou como eu disse no início, saberia explicar ela somente com emojis?

via GIPHY

Se você não entende a sua marca, ninguém mais vai entender!

Eu vou te ajudar, pegue um papel e tente responder as seguintes perguntas:

  • Como você definiria a sua marca?
  • Qual a história da sua marca?
  • O que que ela faz de diferente da concorrência?
  • Como você trabalha?
  • Para quem sua marca é?
  • Como você quer que lembrem da sua marca?
  • Quais as 3 qualidades principais da sua marca?

Com base nas respostas você conseguirá saber que tipo de posicionamento sua marca têm, e o que você vai precisar fazer para ser lembrado pelos seus clientes como sendo a melhor opção no mercado do seu segmento.

Aprenda a dizer não!

Quando você cria o posicionamento da sua marca, você define o que vai fazer e o que não vai fazer. Criar essa lista vai ajudar você a ter o tempo necessário para criar uma marca forte.

Porém para você fazer isso vai precisar ficar atento ao que não vai fazer. A maioria dos profissionais ficam perdidos ao longo do caminho por não se posicionarem ao que não fazer. Acabamos aceitando mais coisas do que a nossa marca oferece e isso pode se tornar um desvio perigoso para o seu posicionamento.

Então defina o que fazer e o que não fazer, para que você consiga construir um posicionamento que te acompanhe ao longo jornada.

Crie uma sua estratégia

Uma estratégia de posicionamento de marca deve ser valorizada como parte importante do seu projeto, por isso você vai precisar de um planejamento, análises e muito esforço. Então tome tempo para analisar qual o nível que a sua marca tem nesse momento.

posicionamento de marca
  • Descubra as necessidades do seu público.
  • Analise a concorrência.
  • Conecte seus valores na voz da marca.
  • Humanize a sua marca.
  • Agregue valor.
  • Reforce seus diferenciais.

Crie uma memória afetiva com seus clientes e determine bem quem são as pessoas que você quer atender. Nichos mais bem definidos tem sido mais fáceis de trabalhar já que fazer toda essa analise se tornará mais objetiva.

“Se você consegue colocar a sua personalidade na mensagem que você compartilha, você já estará um passo à frente no jogo do Marketing de Conteúdo.” Jason Miller

Não esqueça que o seu posicionamento precisa estar bem claro na mensagem que você passa nas redes sociais, no seu material impresso e em qualquer coisa que você use para se comunicar com seu público-alvo. Esse é um processo contínuo, por isso tire tempo para analisar se em algum momento você está se afastando dos seus objetivos e revise caso sua marca tenha mudado o posicionamento.

Por hoje é só! Vejo vocês em breve! Ótimo final de semana pra todos…

Compartilhar:
Desde 2009 me dedicando ao Web designer e acompanhando as mudanças e crescimento das redes sociais. Especializada em Identidade Visual e Copy estratégico.

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Subtotal do carrinho

Nenhum produto no carrinho.